A casa que hospeda a Flip

Reconhecida desde 2004 como Oscip (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público), a Associação Casa Azul foi criada a partir de ações iniciadas em 1994 visando à implantação do projeto de Revitalização Urbana dos Espaços Públicos de Borda d'Água. Para tanto, o objetivo foi sempre o de aproximar as instituições públicas e privadas e todo o conhecimento de seu corpo técnico dos anseios da população local. Entre as metas da Casa Azul destacam-se a revitalização urbana sustentável, o aprimoramento da qualidade de vida dos cidadãos, a promoção do turismo sensível aos valores da cultura local e a conservação do patrimônio arquitetônico e dos ecossistemas naturais.

Criada com o objetivo de contribuir para a resolução dos problemas de infraestrutura urbana de Paraty, a Festa Literária Internacional de Paraty, além de promover a literatura, potencializa transformações na cidade nas áreas de preservação do patrimônio, educação e infraestrutura urbana e constitui um veículo poderoso de mudanças profundas no modo pelo qual a população faz uso dos espaços públicos.

Além da realização da Flip - já em sua oitava edição -, um dos primeiros, mais queridos e abrangentes projetos da Casa Azul é o Programa Educativo Cirandas de Paraty, que atua permanentemente ao longo do ano junto às redes pública e privada de ensino de Paraty e região com atividades de incentivo à leitura, capacitação de professores e mediadores de leitura, organização de oficinas literárias e artísticas e criação e manutenção de bibliotecas, entre outras atividades. Eixo socioeducativo da Associação Casa Azul, a Flipinha tem como missão a formação de leitores críticos e reflexivos, aptos a pensar e intervir em seu ambiente. O trabalho realizado pelas crianças ao longo do ano é condensado e exposto ao público durante a Flipinha, a programação infantil da Flip.

A realização da Flip foi decisiva para o Ministério do Turismo escolher Paraty como destino referência para o turismo cultural no país. A partir daí, a comunidade local escolheu a Casa Azul para exercer a secretaria executiva do Plano de Desenvolvimento do Turismo Cultural de Paraty, com o objetivo de orientar as lideranças locais de acordo com ações necessárias ao fomento do turismo cultural sustentável na cidade. O Plano foi elaborado pela empresa de consultoria Chias Marketing, do catalão Josep Chias, em parceria com um grupo gestor formado por vinte representantes governamentais e não governamentais de Paraty.

Com início em 2010, a reforma da Praça da Matriz, uma das intervenções propostas no projeto de Revitalização dos Espaços Públicos de Borda d.Água de Paraty, propõe a valorização dos aspectos históricos da praça, a acessibilidade irrestrita e o enfoque na vocação social desse espaço público, que concentra a representação simbólica de centralidade da cidade.

Criada na 7a. edição da Festa Literária, a FlipZona é o novo projeto educativo da Flip. Assim como a Flipinha, é realizado de forma continuada, durante todo o ano, e visa envolver, progressivamente, toda a rede de ensino de Paraty e região. Com o objetivo de estimular o interesse dos jovens pela literatura, a FlipZona adotou as novas tecnologias na comunicação como ferramenta ideal para promover esta aproximação e promoveu oficinas de produção e edição de áudio e vídeo e de blog, produção de texto, animação, fotografia, debates com escritores que possuem obra ligadas ao universo jovem, exibição de filmes etc.

Poderia, à primeira vista, parecer estranho que, tendo iniciado suas atividades na área de planejamento urbano, a Casa Azul tenha se inserido em campos tão heterogêneos quanto a produção cultural, o incentivo ao turismo, a educação infantil ou a pesquisa sociológica. Se, todavia, o espaço urbano é entendido como aquilo que efetivamente é - o espaço concreto de atuação das forças vivas da sociedade organizada -, este não é senão um rumo conseqüente e natural. Estimular o contato, a interação e a troca entre estas forças, seja em que modalidade for, tem sido e continuará sendo o objetivo fundamental da Casa Azul.

Compartilhe
Curta a Biblioteca Casa Azul no Facebook: